Thiago Ventura (Tata Orion) – Origem, História e Trajetória

Tata Orion Thiago Ventura, trajetória, origem, história, magia, ocultismoMuitos que entram em contato conosco querendo saber mais sobre nosso dirigente Thiago Ventura (também conhecido como Tata Orion no mundo da magia cerimonial e como Bruxo Ventura nos terreiros de quimbanda) e sua trajetória que culminou na criação do Tradição das Sombras Templo de Magia. Pois aqui buscaremos dar uma “pincelada” de minha trajetória e mostrar de onde vem meus conhecimentos. Nascido em São Paulo em Setembro de 1986, nasci e cresci em família dedicada a religiões afro-brasileira, tendo mãe carnal Ekedy, pai carnal Ogan e irmã de sangue mais velha Iyalorixá no culto de Candomblé Ketu.

Desde pequeno, tendo esta bagagem familiar, fui incentivado a buscar a religiosidade em suas mais variadas formas, onde, por motivos de saúde, fui iniciado no candomblé Ketu.

No mesmo ano de minha iniciação ao candomblé, fui iniciado pelos meus irmãos ogãs mais velhos em Quimbanda tendo meu exu e pombagira assentados por eles, me colocando em um caminho que nunca mais larguei, o da quimbanda e feitiçaria brasileira.

Parece simples, mas o sacerdócio religioso é mais do que apenas fazer feitiços, trabalhos e rezas. É muito mais do que isso. É cuidar e zelar pela paz de espírito de todos aqueles que de mim precisam.

Não sou um apaixonado apenas em Quimbanda e Candomblé, mas também já a alguns anos, vou anualmente à Nigéria para participar de festivais e iniciações diversas na tradição Isese Lagba (origem do nosso candomblé, com o povo Yoruba).

Em uma dessas viagens, no ano de 2017 fui iniciado ao Orisa Ogun e Baba Egungun, além de um culto secreto e muito fechado na Nigéria onde eu e um outro irmão de religião somos os primeiros estrangeiros a fazerem parte, em Oyo.

Ao longo de minha trajetória religiosa, passei e conheci cultos e religiões como Budismo, Xintoísmo, Magia Cerimonial Europeia e  Stregonaria  (Bruxaria Italiana Primitiva, ou Streghe), bruxaria tradicional e, além disso, fui também iniciado em Palo Mayombe. Sendo Palo Mayombe e Quimbanda os pilares de nossa tradição iniciática, Tradição das Sombras.

Para sempre manter a tradição e o aprendizado de Palo Mayombe vivos dentro de nosso munanzo, viajo periodicamente para visitar meu Padriño e seu munanzo para sempre aprender mais, aprimorar mais e vivenciar dia a dia Palo Mayombe. Além, claro, de visitar também regularmente Venezuela, Argentina, Chile e Panamá para acompanhar meu Padriño em seus trabalhos nesses países.

Tata Orion Thiago Ventura, trajetória, origem, história, magia, ocultismoAcima de tudo, o caminho do sacerdócio envolve olhar e ver o outro, entender suas dificuldades e ajudá-lo a superar. Transmitir amor através dos atos e palavras, esse é o grande ponto que faz um sacerdote ser verdadeiro.

Voltando a narrativa de minha trajetória religiosa e da magia afro-brasileira, após a morte terrena de meus irmãos mais velhos de candomblé conheci profundamente cultos como Quimbanda de Almas, Quimbanda Luciferiana, Quimbanda Malei, Quimbanda Ancestral, Umbanda e outras vertentes da magia africana menos conhecidas.

Além da trajetória religiosa, sou também Maçom no Rito Escocês Antigo e Aceito, formado em Administração de Empresas, Contabilidade e cursando hoje bacharelado em Direito. Possuo também pós-graduações em Finanças, Marketing Digital e Controladoria. E, claro, como eu vivo para a religião e não dá religião, sou empresário com alguns negócios na cidade de São Paulo, cidades no entorno e outros Estados da Federação!